Mapa de Riscos com Matriz de Probabilidade x Impacto

Olhando para o horizonte de riscos, mais especificamente falando de análise qualitativa, a Matriz de Probabilidade x Impacto pode auxiliar muito o gerente do projeto no exercício de classificação e priorização de riscos. Desta forma, parafraseando a Rita Mulcahy, padrões pessoais de aversão a risco são equalizados e o modelo assume o papel de promover o entendimento comum do significado de cada classificação de risco.

Boa Leitura!

O primeiro passo é determinar quais as combinações de probabilidade e impacto que resultarão nas classificações de risco apresentadas na planilha. É importante lembrar que o risco pode impactar qualquer variável da tríplice restrição (Custo, Tempo ou Escopo), ou mesmo sua derivada, a Qualidade.

FÓRMULA PARA CLASSIFICAÇÃO NO MAPA DE RISCO:

PROBABILIDADE × IMPACTO

Na sequência, depois de finalizada a etapa de Análise Qualitativa do Risco é hora de planejar a resposta para estes riscos focando sempre na possibilidade de aumentar as oportunidades e reduzir as ameaças aos objetivos do projeto.

ESTRATÉGIAS DE RESPOSTA A RISCOS:

ACEITAR: Demonstra que, ou o Gerente do Projeto não tem, naquele momento, capacidade de desenhar uma estratégia de resposta, ou decidiu por não mudar o plano do projeto em função deste risco. Pode ser aplicado a riscos POSITIVOS ou NEGATIVOS;

MITIGAR: Tem como objetivo realizar ações de forma antecipada para que a probabilidade do evento de risco acontecer seja reduzida a níveis de tolerância aceitáveis. Aplicado a riscos NEGATIVOS;

ELIMINAR: Trata-se de alterar o Plano do Projeto para remover totalmente a ameaça. A estratégia mais radical neste caso pode até ser a suspensão do projeto. Aplicada a riscos NEGATIVOS;

TRANSFERIR: Basicamente repassar para alguém as consequências do risco, assim como a responsabilidade pela resposta. Transferir não elimina o risco. É aplicado a riscos NEGATIVOS;

EXPLORAR: Eliminar a incerteza associada a um risco que impacta positivamente o projeto fazendo com que a oportunidade se materialize. Aplicada a riscos POSITIVOS;

COMPARTILHAR: Atribuir a propriedade a terceiros que terão melhores condições de capturar a oportunidade em benefício do projeto. Aplicado a riscos POSITIVOS;

MELHORAR: Tem como objetivo modificar o “tamanho” e uma oportunidade aumentando sua probabilidade ou impacto no projeto. Aplicado a riscos POSITIVOS;

Para finalizar, é sempre importante determinar quem é o Responsável pelo risco para que, durante o projeto, eles possam ser revistos e avaliados. Outro ponto importante é sempre acrescentar as Reservas de Contingência e Gerenciamento ao custo total do projeto, elas são a garantia de que os possíveis riscos, se materializados, não impactem as variáveis principais do projeto.

0 Comentários

Envie uma Resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*

“É preciso sair da ilha para ver a ilha. Não nos vemos se não saímos de nós.” (José Saramago)

2013 - 2020

Fale comigo!

Certeza que na primeira oportunidade responderei a mensagem!

Enviando

Fazer login com suas credenciais

Esqueceu sua senha?